Beleza & Estética

Rio Grande do Norte possui mais de 8,3 mil salões de beleza

O setor cresceu 22,7% no último ano no RN e já figura entre as atividades mais desenvolvidas pelos Microempreendedores Individuais (MEI), segundo levantamento do Sebrae.

Barbearias e salões de beleza estão entre os empreendimentos mais formalizados pelos MEIs no estadoNatal – O Rio Grande do Norte alcançou neste mês o número de 10.563 pequenas empresas na área de beleza, estética e bem estar, um ramo que só tem crescido no Brasil. De acordo com levantamento do Sebrae, somente os empreendimentos que prestam serviços envolvendo embelezamento, como cabeleireiros, barbeiros, manicures, pedicures e depiladores, registrou um crescimento de 22,7% no último ano e soma 8.327 negócios no estado. O ramo é segundo com mais atividades desenvolvidas pelos Microempreendedores Individuais (MEI) potiguares.  Além disso, esse tipo de negócio é apontado como um dos que estão em expansão este ano.

“Esse ramo possui um rol de atividades que são mais fáceis de empreender, principalmente quando se tem o domínio da técnica, pois não requer grandes investimentos. Além disso, a área é atrativa por ter um mercado com clientela cativa e que sempre esteve em alta”, aponta a gestora do MEI no Sebrae no Rio Grande do Norte, Ruth Suzana Maia, explicando sobre o crescimento do setor.

_Olho_

De fato o setor tem vivido um boom nos últimos anos, já que as pessoas - inclusive o público masculino - andam mais preocupadas com a estética. No entanto, a abertura de um salão de beleza ou uma barbearia requer bastante atenção. Para entrar neste tipo de negócio é preciso observar o público-alvo, o estilo de atendimento, a equipe de profissionais e o tipo de serviço que será oferecido.

O interessado deve definir bem o tipo de estabelecimento e o público-alvo. Uma clientela mais selecionada, por exemplo, de alto poder aquisitivo, vai exigir um serviço luxuoso, com um vasto leque de serviços, espaços requintados e muitos funcionários. Um público com tempo escasso exige um conceito mais simples, contudo sempre optando pela qualidade dos serviços. Então, para criar uma identidade própria é importante analisar as necessidades básicas da clientela.

O Sebrae preparou algumas dicas para quem já possui ou deseja abrir uma empresa nessa área:

1 – Relacionamento com clientes

Investir em relacionamento com os clientes pode aumentar suas vendas e também promover a fidelização ao salão de beleza. Para isso é necessário que se tenha também um atendimento diferenciado. Os clientes precisam perceber que seu ambiente é planejado para a boa execução dos serviços. Uma dica é oferecer serviços de conveniência, que podem ser uma boa alternativa para tornar seu negócio mais desenvolvido.

2 – Qualidade e normas

Estar atento à qualidade dos serviços que você oferece e à atualização dos produtos e das técnicas utilizadas no salão são fatores essenciais para a sobrevivência do negócio. É preciso conhecer as normas técnicas e sanitárias, pois isso é um dos fatores-chave de sucesso em salões de beleza.

3 – Marca e reputação

Sua marca deve estar direcionada ao nicho de mercado que atende e às tendências. Sua reputação vem da percepção do cliente em relação ao seu negócio. A diversificação e a divulgação são fatores-chave para o segmento. O primeiro passo para definir uma boa estratégia promocional é identificar quem faz parte do seu público-alvo.

4 – Equipe e controle

Prevalecer a saúde da sua equipe, apoiar a atualização de conhecimentos técnicos e estimular o uso de portfólio, pode trazer ganhos de produtividade ao seu negócio e tendem a fidelizar seus clientes.

5 – Controle financeiro e de estoque

Esteja atento, principalmente, ao que se refere ao controle financeiro e de estoque, pois a falta de planejamento ou de gestão pode ser fatal para o seu negócio.

Serviço:
www.rn.agenciasebrae.com.br
http://www.rn.sebrae.com.br
http://www.facebook.com/SebraeRN
http://www.twitter.com/SebraeRN
Call Center: 0800 570 0800
Agência Sebrae de Notícias (ASN RN): (84) 3616-7911